» » » Canal do Itajurú, em Cabo Frio, fica quatro toneladas "mais leve".

Cabo Frio. O Canal do Itajurú viveu neste sábado, 15/09, um dia bem diferente do que costuma acontecer em seu cotidiano e ao invés de receber lixo de mãos descuidadas, virou palco da maior ação de limpeza que Cabo Frio já viu. Em apenas três horas, o Ecomar Limpeza dos Mares 2018 retirou do leito do Canal do Itajuru mais de quatro toneladas de lixo somente na região entre a Ponte Feliciano Sodré e a Praia de São Bento. Do total de resíduos retirados cerca de 70% eram pneus velhos e o restante dividiu-se entre carcaças de eletrodomésticos, móveis, pias e material plástico. [Continua abaixo - mais fotos]
TEM DÚVIDAS SOBRE COMO ANUNCIAR? CLIQUE AQUI
Em Cabo Frio, o Ecomar foi comandado pelos coordenadores do Programa Bandeira Azul – Praia do Peró, Magno Maiques e Paloma Arias, e a iniciativa foi uma realização conjunta da Comsercaf e da Coordenadoria de Meio Ambiente, órgão ligado à Secretaria de Desenvolvimento. A ação contou com a participação do prefeito, Dr. Adriano Moreno, e da sociedade civil organizada. O médico, que passou parte de sua vida usufruindo do Canal, se disse impressionado com o descaso.

"Já nadei muito no Canal do Itajuru, já pesquei muito aqui e hoje vejo, nessa montanha de lixo, o resultado do descaso dos últimos administradores. A Coordenadoria do Meio Ambiente e a Comsercaf estão de parabéns e podem contar com meu apoio para a realização de todo e qualquer evento que tenha como finalidade a conscientização e a limpeza de Cabo Frio", afirmou.

Para o coordenador do Meio Ambiente, Mario Flavio Moreira, o evento foi importante para a conscientização da população. "Entendemos que a mobilização de todos é importante para dar visibilidade ao problema não só no Canal do Itajurú, mas em nossas praias e lagoas. Atualmente, estima-se que mais de 8 milhões de toneladas de plástico são jogados nos oceanos todos os anos causando danos à vida marinha, pesca e turismo, além de custar pelo menos 8 bilhões de dólares em prejuízo aos ecossistemas marinhos", alertou.

Para o presidente da Comsercaf, Luiz Cláudio Gama, e até mesmo para os servidores do órgão o Ecomar serviu de incentivo. "Nossos próprios servidores se impressionaram com o que saiu do fundo do canal. Eu vi muitos comentando sobre isso. Ações como essa extrapolam o conceito de 'cidade limpa', além de mostrar que órgãos distintos como a Comsercaf e a Coordenadoria de Meio Ambiente podem atuar de forma conjunta em benefício da cidade. Nossa missão é manter toda a cidade limpa e preservada", concluiu.

Também participaram do Ecomar ong’s ambientais e esportivos como Somar Turismo Adaptado, Amigos do Peró, Acqua World, Apae Cabo Frio, Mar Sem Lixo, K2 Comunicação Visual, APSCF, CTA, Prolagos, Ecodiving, Bandeira Azul, Escoteiros de Cabo Frio, Costa Azul Iate Clube, Cabo Frio Convention Bureau, Bike Night, Arraial Sub Dive Center, Gerar Dive Tour Ecoturismo, Clube Náutico, Iate Clube,Trilhas e Mergulho, Clubes de Canoas Havaianas, entre outros.

O Ecomar faz parte da campanha Mares Limpos global, promovida pela ONU, com o objetivo de incentivar governos, indústria e cidadãos para acabar com o uso excessivo e desperdício de plásticos descartáveis e eliminar microplásticos em cosméticos, as duas maiores fontes de poluição marinha.


COMPARTILHE:

A SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE:

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply