Notícias de Cabo Frio. Alunos das 87 escolas municipais de Cabo Frio retornaram para as salas de aula nesta quinta-feira (26/10) após os profissionais da Educação decidirem pelo fim da greve, que durou 17 dias, depois de receberem o salário de setembro. Os servidores ainda cobram o pagamento de parcelas atrasadas do 13º salário de 2015, as mudanças de nível e triênios, e a diferença salarial dos contratados. Segundo Denise Teixeira, coordenadora do Sepe, apesar da decisão, a categoria permanece em estado de greve, ou seja, há risco de que as aulas sejam paralisadas a qualquer momento. [Continua abaixo] 
"Retomamos as atividades, mas vamos manter o estado de greve até uma nova assembleia que será realizada pela categoria no quinto dia útil de novembro. Se não recebermos o salário outubro até lá, vamos paralisar novamente", disse. 

Em nota, a secretaria de Educação de Cabo Frio informou que os profissionais estão voltando ao trabalho aos poucos e que o calendário de aulas está sendo reformulado. Na última segunda-feira (16/10), o secretário de Educação, Alessandro Teixeira, afirmou: "com as novas paralisações não vemos possibilidade alguma de terminar o ano letivo de 2017 no calendário civil de 2017". Foto arq. Caio Marcelo/Fonte: G1


COMPARTILHE:

A SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE:

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply